‘E disse-lhes: "Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas. Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado’ - Marcos 16:15,16

Pregar o Evangelho não é algo que você escolhe fazer ou não: é a nossa vocação. A nossa principal responsabilidade aqui na Terra é ganhar almas para o Reino. 2 Coríntios 5:18 diz que ‘nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação’. Nosso compromisso com o Senhor deve refletir essa dedicação em ganhar almas. A Bíblia chama aquele que ganha almas de ‘sábio’ (Provérbios 11:30). 

Paulo disse em 1 Coríntios 9:16 ‘Contudo, quando prego o evangelho, não posso me orgulhar, pois me é imposta a necessidade de pregar. Ai de mim se não pregar o evangelho!’. Não se trata de conveniência, é uma responsabilidade exigida de cada um de nós, é uma responsabilidade pela qual eu e você prestaremos contas e seremos recompensados pelo Senhor quando Ele julgar Seus santos.

O Senhor nos tem dado muito e sido fiel nos mínimos detalhes. Temos sido supridos, respaldados, abençoados em tudo, mas essa é uma via de mão dupla: Ele exige fidelidade. Somos portadores da Glória de Deus e encarregados de levar esse Evangelho da Graça e Poder a toda a Terra! Paulo diz em 1 Coríntios 4: ‘Portanto, que todos nos considerem como servos de Cristo e encarregados dos mistérios de Deus. O que se requer destes encarregados é que sejam fiéis’.

Não há outro encargo mais honrado e relevante em todo o Universo do que esse: ir e pregar o Evangelho de Jesus, o Senhor do Universo! Jesus disse em Mateus 28:18-19: ‘...É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide...’. Ele ‘...se manifestou para destruir as obras do diabo’ (1 João 3:8), e foi ungido para ‘para cuidar dos que estão com o coração quebrantado, anunciar liberdade aos cativos e libertação das trevas aos prisioneiros’ (Isaías 61:1. Jesus morreu e ressuscitou, mas deixou-nos o Seu Espírito, transferindo toda essa autoridade e poder para nós. O Espírito Santo nos capacita a cooperarmos e exercermos esse chamado com sabedoria, direção, autoridade, graça e poder. 

Cremos num Evangelho de sinais, num Evangelho completo, onde há salvação, curas, libertação e transformação de vidas. Paulo disse aos crentes de Corinto: ‘A minha palavra e a minha pregação não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração do Espírito e de poder’ - 1 Coríntios 2:4. O verdadeiro Evangelho é o que vem com demonstração de Espírito e poder. Esse é o chamado da Igreja Comunhão Plena. Este é o seu chamado! 

Muitos sofreram severas perseguições e alguns foram mortos por pregar o Evangelho, e isso ainda acontece nos dias de hoje em diversos lugares do mundo. Portanto, mesmo que você tenha sido insultado ou desprezado por pregar a Cristo, continue crendo no seu chamado. Continue influenciando e impactando o mundo positivamente com o poder de Deus em Seu Evangelho. Porque o tempo é curto, Jesus está às portas!

 

ORAÇÃO

Querido Pai, eu te agradeço por ter me escolhido e me capacitado para ser um propagador da Sua Mensagem, e por me dar direção, sabedoria, autoridade, graça e poder para executar essa missão. Quero continuar a influenciar e impactar o mundo à minha volta com demonstração de Espírito e poder em nome de Jesus!

Deseja Fazer parte?

Entre em contato conosco.