17/12/2021

Como explicar o maior congresso evangélico realizado no feriado do carnaval chamado Abala São Paulo que foi organizado e divulgado por uma Igreja pequena na Rua Quatá com espaço para no máximo 300 pessoas liderados pelo Apostolo Sergio Lopes conhecido como Apostolo da Fé, que naqueles dias marcaram com ousadia, pioneirismo e muita Fé um novo tempo dentro de todas as denominações no Brasil e fora do Brasil, e inaugurou um domínio da Igreja no período de uma festa de trevas, causando o retiro do Povo de Deus para fora da cidade.

Em 2004 foi dado inicio ao maior evento da historia da Igreja evangélica no Brasil, o evento Inter denominacional criado pela Igreja Comunhão Plena que através de uma revelação ao líder da igreja Apostolo Sergio Lopes, que conta que o Espírito Santo de Deus foi claro e deu a direção para a realização do evento, “a Igreja precisava ficar na cidade de São Paulo no feriado de carnaval”, e pediu que ele Apóstolo Sergio Lopes, fizesse uma convocação santa para as igrejas, pastores e líderes estarem no evento a fim de que pudéssemos entregar a chave da cidade para Jesus que até aquele momento era entregue para entidades malignas.

Foi assim que, nasceu, durante o feriado do Carnaval, o “Abala São Paulo”, que nos quatro dias do feriado chegou a atrair mais de 120 mil crentes de todas as denominações, que tiveram a oportunidade de se reunir para serem abençoados e ao mesmo tempo abençoar a cidade de São Paulo e as suas cidades com as palavras que se tornavam vivas no coração de cada um deles.

O Abala era palco de um grande derramar de poder, milagres, libertação, salvação e manifestação de Deus pareciam que o Céu havia descido naquele lugar.

O Abala São Paulo era recheado com os maiores pregadores e cantores nacionais e internacionais da época, e contava também com a Ministração do Apostolo Sergio Lopes, Bispa Vera Lopes e Pastores da igreja Comunhão Plena, que organizava o evento dirigido pelo Espírito Santo de Deus com grande maestria.  

Contra todas as circunstâncias, mas com muita ousadia no Espírito Santo de Deus, o Apóstolo Sérgio Lopes agiu com fé. Enquanto a maior parte das igrejas se deslocava da cidade de São Paulo, para fugir do Carnaval e de todas as más consequências que este feriado traz para as famílias.

Era uma explosão de avivamentos pessoas de todos os lugares lotavam o espaço das Américas na Rua Tagipuru, nº 795 - Barra Funda, São Paulo  ao lado do memorial da América latina, estação do Metro Barra Funda e Trem, não havia possibilidade de sair do evento porque o poder e a presença de Deus eram tão constantes que ninguém queria perder o que esta acontecendo, e o que está por acontecer.

Cada Pregação dos Príncipes daquela época, e outros também, que eram desconhecidos e que através da direção do Espírito Santo de Deus tiveram oportunidade, e hoje são conhecidos no meio evangélico no Brasil e no exterior, havia um romper de gloria e manifestação do Espírito Santo de Deus, os crente que se encontravam naquele lugar eram invadidos por uma unção tremenda que saia do altar, muitos ficavam embriagados pelo poder, outros profetizavam e oravam em línguas estranhas, era um alarido de vitória naqueles 4 dias não víamos o tempo passar, eram 64 horas na presença de Deus com cultos e vigílias memoráveis que ficaram marcadas para sempre no coração dos participantes e no Céu.

Decretos, atos proféticos o mundo espiritual agia de maneira extraordinária trazendo palavras reveladas para aqueles dias, estavam todos motivados a deixar como o próprio Apóstolo Sergio Lopes diz, “Deixar Deus ser Deus em nossas vidas”. 

A unção manifestada foi um marco na nação Brasileira como nunca antes, a Gloria de Deus foi estabelecida como uma ação Profética e Apostólica que nos mostrou o que a Fé de um homem pode fazer isto era o Abala São Paulo. 

Fonte/Autor: Pr Marcio Proent

Deseja Fazer parte?

Entre em contato conosco.